Central do Associado

Rebat - Ano XXX 2021

Editorial

Estamos em 2021, ano marcado pela esperança de término da pandemia da COVID-19, graças ao início da vacinação, que é fruto da ciência! Vivemos uma época de celebração da pesquisa científica que demonstrou avanços a passos largos, com inovações tecnológicas e estímulo à experimentação de novos métodos. Vimos cientistas profissionais testando e aprovando técnicas ousadas, e, também, vimos pessoas de áreas diversas fazendo “ciência com as próprias mãos”, criando de respiradores a acessórios para máscaras faciais e compartilhando o modo de fazer, ou seja o método, com o mundo. Estas atitudes que vimos quase que diariamente, resume dois movimentos atuais e importantíssimos: ciência com impacto social e democratização do conhecimento.

Inspiradas por este cenário, nós da diretora científica - eu como diretora, apoiada pela comissão com Carmem Santana, Jane Costa e Maria Lúcia Falk - temos a grande alegria em lançar a REBAT On-line, por ocasião do primeiro Conbrat 100% on-line. Anunciamos também com imensa satisfação que seu conteúdo será aberto, sem necessidade de ser sócio ou pagar qualquer taxa. É a nossa contribuição para a democratização do conhecimento gerado pela comunidade de AT no Brasil. Apenas a versão impressa continua sendo distribuída aos sócios.

O passo seguinte será a inscrição da REBAT e das outras produções de conteúdo da UNAT-BRASIL na WOOTA (https://wotaa.org), instituição global que trabalha para disseminar a Análise Transacional de forma democrática e sustentável. Continuamos trabalhando nos critérios que permitirão a indexação da nossa revista a bancos de dados internacionais, como o Google Acadêmico, Scielo e outros. Para isto, contamos com a participação da nossa comunidade da UNAT na produção científica dentro dos critérios que a indexação exige.

Mais uma novidade nos faz vibrar neste momento: lado a lado com a REBAT (que abrigará apenas os artigos científicos para indexação), manteremos no site a aba Publicações, com conteúdo rico que inclui compartilhamento de experiências dos colegas analistas transacionais, reflexões, resenhas, teses e outros artigos escritos em diversos formatos. Fique a vontade para contribuir com suas experiências e reflexões!

Fica aqui minha imensa gratidão a todos que contribuíram com esta edição: os autores*, os avaliadores que compõem o conselho editorial**, a editora-chefe, os participantes do ciência e prosa, os prestadores de serviço do site e marketing, a diretora de comunicação Regina Berard, e a diretora/editora anterior Mary Melazzo e Ede Lanir Ferreira Paiva que nos conduziram nos primeiros passos.

Desejo com este movimento, que vocês, queridos colegas da UNAT, sintam-se convidados e inspirados a desenvolver pesquisa, compartilhar conhecimento e produzir ciência com impacto social, ou seja, com utilidade para os clientes e outros profissionais. Estamos disponíveis para auxiliar no que estiver ao nosso alcance. Sonhem com projetos de pesquisa que demonstrem a eficácia da AT no seu cotidiano e nós estaremos aqui para ajuda-los no processo.

Grande abraço,

Andreia Cechin
Diretora Científica

Carmem Santanna
Jane Costa
Maria Lúcia Falk

Comissão Científica

*citados em seus artigos
**citados abaixo

EDITORA CHEFE
Fernanda Nogueira Rodrigues (MG)

CONSELHO EDITORIAL
Participaram desta edição os seguintes membros
CARMEM SANTANA
LUIS PAIVA FERRARI (RJ)
MARIA REGINA FERREIRA SILVA (SP)
MÁRCIA BEATRIZ BERTUOL (RS)
MARÍLIA PEREIRA (DF)
MICHELLE THOMÉ (RJ)
REGINA BERARD (SP)
ROSANA BENINE (PR)
SIMONE DE ANDRADE KLOBER (SC)

REDAÇÃO
científica@unat.org.br

COMUNICAÇÃO VISUAL
i34 Publicidade
Ivana Padilha

SITE E CAPA
RaioZ
Renato Santa Maria
Silvana Sandini


ARTIGOS REBAT ANO XXX 2021

A Trilogia Sobre Script de Vida: Discurso de Aceitação ao Receber o Prêmio Memorial Eric Berne 2018

Autor: Richard G. Erskine

Resumo: Este discurso de aceitação analisa as influências históricas subjacentes à trilogia de publicações sobre o Script de Vida, pela qual o autor recebeu o Prêmio Memorial Eric Berne de 2018. Os Scripts de Vida são compostos de sistemas inconscientes de organização psicológica e autorregulação, desenvolvidos como resultado de falhas cumulativas em relacionamentos dependentes significativos. São descritos os princípios de uma psicoterapia baseada no desenvolvimento e focada no relacionamento, que promove a cura do Script.

abrir PDF

Análise Transacional Estrutural- Selves de Ego e Estados de Ego Causa-efeito e intervenções

Autor: Jorge Alberto Close

Resumo: Este artigo identificou os Determinantes fisiológicos, neurológicos e psicológicos que surgem de restrições impostas por fatores genéticos e ambientais, originando o comportamento humano. O método usado foi Teoria Fundamentada, através Revisão Narrativa da Literatura, pois apresenta conceitos que sugerem ampliação de teoria anterior. São analisados os Determinantes, denominados pelo autor como Selves de Ego, a partir da classificação de Berne ao compor a Análise Transacional. É demonstrada uma forma diferente de apresentar a Criança Adaptada, diferenciando-a do modelo de Berne, ao propor que seja uma parte do Estado de Ego Pai, ajustando sua manifestação e organização ao desenvolvimento fisiológico do Self de Ego correspondente.A Contaminação é revisada e ajustada para que haja consistência entre causa e efeito. Foi identificado que o Estado de Ego contaminado é o Estado de Ego Pai, criando uma desilusão com base em Injunções, gerando ilusão em sua parte Criança Adaptada, que por sua vez, causa reação emocional da Criança Natural, limitando a capacidade do Estado de Ego Adulto intervir. A Análise do Script é revisada e organizada, indicando que o Script é um plano de vida iniciado na concepção e termina na morte. Que é imprescindível para a sobrevivência, possuindo segmentos adequados e inadequados que podem limitar longevidade e qualidade de vida. Ocorrências, fatores neurofisiológicos e memórias envolvidas em seu desenvolvimento e implementação também foram identificados. Sugestões e exemplos para o desenvolvimento integrado de estratégias e táticas de intervenção são apresentados.

abrir PDF

Autoempatia como elemento necessário para regulação das emoções

Autor: Jane Maria Pancinha Costa e Ronel Alberti da Rosa

Resumo: A necessidade de importarmo-nos uns com os outros, identificando-nos com o que temos em similaridade, seres vivos, seres humanos neste planeta, vem se tornando atualmente um foco comum em estudos e reflexões entre investigadores da neurociência, do comportamento, das emoções e relacionamentos sociais, para citar alguns. Na área da promoção de saúde e da psicoterapia, não é diferente. Em especial nas duas últimas décadas, a ampliação do conhecimento sobre cérebro e sistema nervoso em pesquisas na neurociência tem proporcionado relacionar estas áreas de compreensão do individuo e suas relações, contribuindo para reflexões, entendimento e propostas de ação e liberação possível do sofrimento humano. Assim, o propósito deste artigo de natureza qualitativa, foi refletir, a partir de Revisão Narrativa de Literatura recente, sobre a possibilidade de compreender empatia como originada de emoção primária ou natural. Como conclusão, torna-se evidente a importância da regulação das emoções contemplando a autoempatia para que sua função de regulação de nossos instintos com o propósito de sobrevivência, bem estar e evolução, possa acontecer, no campo individual e no social.

abrir PDF

Doença de Alzheimer - Considerações à luz da Análise Transacional

Autor: Ede Lanir Ferreira Paiva

Resumo: A longevidade da população é uma realidade em nossos dias atuais. A possibilidade de prolongar a vida tem consequências e, dentre elas, ser acometido por uma doença crônico-degenerativa como a Doença de Alzheimer. Várias pesquisas nas áreas biológicas, sociais e culturais buscam explicar as causas das doenças crônico-degenerativas, mas, pouco foi feito na área psicológica. Embora já existam indicações de prováveis causas da Doença de Alzheimer, não foi descoberta até agora uma causa que elucide completamente a questão, portanto o tratamento atual, em geral, abarca vários procedimentos que minimizam os sintomas. A literatura científica nos mostra que existe um grande volume de publicações na área que versam sobre as possíveis causas desta doença. No entanto, são escassas as publicações na área da Psicologia. A teoria psicológica que utilizo é a Análise Transacional e refletindo sobre a demência com base nos seus conceitos, penso que podemos olhar esta doença de uma maneira ampla e inédita. O objetivo, portanto, deste artigo é estabelecer relações entre a Injunção não pense da teoria psicológica da Análise Transacional como um dos prováveis fatores que podem ser preditores ou influenciadores da Doença de Alzheimer. Foi utilizada a Metodologia de Revisão Narrativa para confecção deste trabalho.

abrir PDF

O Sistema do Cliente: A importância do grupo de apoio do cliente na área das ciências da saúde

Autor: Tânia Caetano Alves

Resumo: A autora propõe neste estudo fenomenológico, a apresentação do conceito Sistema do Cliente na área de Ciências da Saúde da Análise Transacional, através de um Estudo Narrativo ancorado em revisão de literatura. Traz embasamento para compreensão da importância do conhecimento e interação dos profissionais de saúde com os grupos de apoio dos clientes - o Sistema do Cliente - quando envolvidos em algum ponto do continuum saúde-doença. Reflete sobre o impacto que a perda do bem estar físico pode causar não só no indivíduo enfermo, mas também nos grupos aos quais pertence, incluindo a equipe de saúde envolvida em sua busca de recuperação. Também propõe uma visão de saúde mais holística e integradora.

abrir PDF

O toque e o que ele te faz sentir: O toque e o tato - ação e sensação

Autor: Éllen Flávia Vieira Santos

Resumo: A reflexão a que se pretende este artigo é sobre o conceito do toque através dos olhares fisiológico e psicológico. O método utilizado foi Revisão Narrativa da Literatura, com seleção livre de autores que discorrem sobre o assunto, com a discussão de autores e que até o presente momento não dialogavam, mesmo trabalhando o mesmo tema ou subtema. O tato é o primeiro sentido humano desenvolvido ainda no útero da mãe e os Neurocientistas vêm estudando as fibras nervosas envolvidas na constituição da pele, que é o maior órgão humano e o principal do tato, para comprovar a importância do sistema tátil, que inclui recentemente a percepção até de um toque agradável. Baseado na teoria de Análise Transacional com o conceito de Carícia positiva transmitida fisicamente verifica-se os desdobramentos desta ação do toque para o indivíduo e para as relações, tanto para quem oferta como para quem recebe, desde o período embrionário, nascimento e ao longo de toda a vida. Desta forma se dá a importância da aplicação deste estudo do toque, da Carícia e do tato para obtenção de uma saúde integral.

abrir PDF

Potência da Análise Transacional nos sistemas da pessoa após a Mentoria Integrativa Relacional

Autores: Carolina Schmitz da Silva, Dione de Quadros Teodoro, Goreti Maestri, Leonardo Koslovski Silva, Maria Imaculada Gonçalves de Almeida, Rita Varela e Rubens Correia Filho

Resumo: O desenvolvimento humano é ação complexa, multidimensional e requer a disponibilidade das pessoas envolvidas e a adoção de métodos que possam facilitar tal jornada. O cerne do caminho da Mentoria Integrativa Relacional é baseado no princípio da participação ativa desde o pensamento e planejamento de todos os intervenientes. Nosso entendimento é que o compartilhamento de informações e responsabilidades traz para o Campo Comum de Convivência do desenvolvimento a fluidez necessária para o estímulo às mudanças atualizadoras. Neste particular a Análise Transacional, enquanto gramática de compreensão e comunicação, se alinha ao propósito de cocriação, facilitando o acesso à compreensão dos fenômenos humanos e à incorporação de novos padrões de comportamento e relacionamento pelos mentorados. O objetivo deste artigo é demonstrar, através de pesquisa aplicada, que o aprendizado dos conceitos da Análise Transacional clássica e contemporânea se mantem na lembrança e prática das pessoas após o encerramento da jornada de desenvolvimento da Mentoria Integrativa Relacional - MIR. O método utilizado para obtenção dos dados analisados foi pesquisa qualitativa, por meio de entrevistas narrativas. Confirmamos a nossa hipótese do impacto e potência da gramática da Análise Transacional nos sistemas Pessoal e Profissional, estendido aos sistemas Familiar e Social dos mentorados. Entendemos que essa intervenção, a MIR, aliada aos conceitos da Análise Transacional gerou mudanças sustentadas que favoreceram os Campos Comuns de Convivência funcionais do mentorado.

abrir PDF

Voltar